COVID-09 – PERSONAL MINISTER


- Senta aí!

- Tudo bom presidente?

- Não. Não tem nada bom! Não aguento mais fazer vestibular de ministro!

- É uma honra prá mim ter sid...

- Honra é o caralho! Aqui comigo é preto no branco, talkey?

- Pois não, senh...

- Declaração dos Direitos do Homem! O que o senhor sabe sobre isso?

- Errr... eu... infelizmente, não sei muita coisa não senhor.

- Parabéns! Tá contratado!

- O quê?

- Brincadeira, brincadeira. Ainda tem mais firula aqui nesse papel... Complete a frase aí: “Luis Inácio Lula da Silva foi...”

- Um grande filho da puta.

- Que maravilha esse menino, heim Mourão? Já imaginava pela foto, os zói azul que nem piscina... tinha que ser bão...

- Obrigado senho...

- Obrigado nada, pode ir descendo as calcinhas... Ra, ra, ra. Brincadeirinha, brincadeirinha. Ô Mourão, tem que ler o resto?

- Tem né capitão, é a praxe.

- Já leu “O pequeno príncipe”?

- Pequeno o quê?

- Num tô falano que o menino é bão? “O que é isso companheiro?”

- Isso o quê?

- O livro, porra! Daquele viadinho da sunguinha de crochê... Gabeira

- Se eu já li? De jeito nenhum!

- Já leu algum livro na sua vida, caralho?

- Prá ser sincero presidente, eu sou mais da prática, entendeu? Livro prá mim é muita teoria...

- Nu tô falando? Esse é dos bons... Tem algum diproma?

- De qual o senhor precisa?

- Ué, consegue fácil assim?

- Tenho os meus contato...

- Re, re, re. Tem que ser quente, porque esses repórter da Globo já tão me dando no saco com essa história de currículo... Deixa ver o que mais aqui... Já deu porrada em petista?

- Ué... não... quer dizer, só de vez em quando...

- Como assim, de vez em quando? Ou deu ou não deu, porra.

- Já...

- E ele sangrou?

- Teve uma vez que eu fiquei duas semanas preso... fez até lama de tanto sangue. Mas foi ele que começou. E tava de camisa vermelha bem no meio dos patriota, né capitão? Aí num dá prá guentar né?

- Eta que esse tá bom prá ser presidente. Quer casar comigo? Rarara.

- Opa, tudo pela pátria, capitão, mas casar num vai dar não...

- Pandemia, quarentena, isolamento social? Sua opinião...

- Viadagem.

- Num tô falano Mourão, cheio de menino bão por aí... prá que ficar perdendo tempo com seleção? Tem experiência de quê?

- Ué, eu já fui síndico no condomínio lá na barra, treinador de luta livre, já negociei carro, apartamento, transportei bolsa quente prá deputado...

- Bolsa quente? Ué cê era médico?

- Bolsa quente de recursos indiretos, né capitão? Esquentava dinheiro prá simplificar os processos.

- Ah, sei. O "Zero Um" é professor disso também. E educação?

- Tenho muita também. Se precisar sei usar todos aqueles “sim senhor”, “com licença”, “por gentileza”...

- Sua opinião sobre educação, caralho! Sua experiência?

- Ué, já dei uma voadora na testa da professora uma vez que veio com conversa de LGBT-sei-lá-o-que, preconceito e coisa e tal. E ainda denunciei ela, inventando que ela tava querendo que os alunos dessem o c... aquele lugar que nada entra, só sai, o senhor sabe né?

- Tá contratado! Ministro da Educação!

- Mas presidente, tem mais dez candidatos lá fora prá entrevistar.

- Ô Mourão, já que cê não faz nada mesmo, pode continuar aqui com a enrolação, porque quem manda sou eu e já tomei a minha decisão. E se tem uma coisa que eu sou bão é na tal da seleção.

- Mas o senhor não tinha decidido que ia colocar alguém mais técnico dessa vez, prá calar a boca da rede Globo?

- Então? O cara é técnico. Técnico de UFC. Os Jogadores da seleção não ficam chamando o técnico de professor? Então? E se precisar calar a boca de jornalista, ele cala na porrada.

- Mas posso pelo menos deixar uns na reserva pro caso de...

- Tipo um ENEM de ministro né? Tá bom, mas se tiver lido Paulo Freire manda direto prá prisão.

- E aquele outro que o senhor tinha escolhido antes prá Ministro da Educação?

- Tá desescolhido. Ah, coloca ele como meu personal trainer. Dá na mesma.

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo